Janeiro 2018

“A Descoberta da Escrita”, de Karl Ove Knausgard
Literatura
“A Descoberta da Escrita”, de Karl Ove Knausgard
14 de Janeiro de 2018 at 22:59 0
Acho que Deus gosta de rir da minha cara: bastou eu ter tomado a firme decisão de não comprar mais livros - pelo menos enquanto não tivesse lido boa parte dos muitos encostados por aqui - que vi nas recomendações do Kindle que tinha acabado de ter sido publicado no Brasil  o quinto volume da série “Minha Luta”, de Karl Ove Knausgard, “A Descoberta da Escrita” (Companhia das Letras, 632 páginas). Que raiva. Se Deus sabia que eu não resistiria a comprar mais um livro do norueguês, por que me fez ver que o livro tinha sido lançado logo em seguida à minha firme resolução? Não tão firme, claro. Comprei o livro e, como sempre (pelo menos depois do segundo da série), o li rapidamente. Em “A Descoberta da Escrita” Knausgard conta sobre seu difícil início como escritor, suas (poucas) traições amorosas, bebedeiras, saídas sem rumo pela Europa, indecisões sobre seu futuro profissional. A cidade norueguesa de Bergen - por coincidência, citada na letra de “I Wish You Lonely”, do mais recente disco de Morrissey, “Low In High School” - é parte fundamental de mais uma obra-prima do grande escritor Knausgard, que consegue deixar hipnotizados milhões de leitores pelo mundo contando, com enorme quantidade de detalhes, episódios de sua própria vida. (mais…)
Leia mais +
“hopes up”, do nothing nowhere.
Música
“hopes up”, do nothing nowhere.
8 de Janeiro de 2018 at 21:08 0
É interessante comparar o vídeo de “clarity in kerosene" com o deste “hopes up”. Nos dois aparecem imagens amadoras de jovens garotas, em VHS. A diferença, porém, é ao mesmo tempo sutil e impressionante: no primeiro a garota parece rir da cara do garoto que está filmando; no segundo o clima é totalmente diferente: nota-se amor dela pelo rapaz que filma - as tomadas são tão apaixonadas que dá para adivinhar o sentimento dos dois namorados somente pelas imagens. (mais…)
Leia mais +